Setembro Verde

Com o objetivo de conscientizar e alertar a população sobre a necessidade da doação de órgãos para salvar vidas, a campanha Setembro Verde ocorrerá durante todo o mês de setembro em vários estados. Criada pelo cirurgião cardiovascular José Lima Oliveira Júnior, integrante da Comissão de Remoção de Órgãos da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO), pelo Ministério da Saúde e pelas secretarias estaduais de saúde, a campanha, que está na quinta edição, contará com diversas ações de conscientização em 22 estados brasileiros que já aprovaram o projeto de lei e institui o Setembro Verde.

A campanha, cujo slogan é “Doe órgãos, a vida continua!”, lembrará principalmente o Dia Nacional da Doação de Órgãos, comemorado em 27 de setembro. Durante todo o mês, diversos monumentos e pontos turísticos do Brasil ficarão iluminados de verde para chamar a atenção da população sobre a importância da doação.

05 Dicas de apoio emocional entre colegas

Muitas vezes, além de lidar com nossas próprias cargas cotidianas de estresse e emoções, também somos afetados pelas angústias de pessoas próximas: família, amigos, colegas de trabalho. Estar disponível para ajudar nem sempre é fácil mas pode ser uma atitude que estreita afetos e gera equilíbrio sentimental e saúde para todos. Veja cinco ações que você pode tomar para ajudar colegas ansiosas ou deprimidos e, assim, melhorar a qualidade do ambiente de trabalho:

01 – Leia, busque entender.
Não se preocupe em se tornar um especialista – lembre-se de que você não é o terapeuta do seu amigo! Mas pode ser útil ler as experiências de profissionais e pessoas que passaram por processos similares. O conhecimento desperta empatia.

02 – Esteja disponível
Problemas como depressão ou baixa autoestima faz você acreditar que é um fardo para si mesmo e todos ao seu redor. Isso significa que seu amigo ou parceiro pode não estar fazendo muito contato com você, mas não desista deles. Dê um alô de tempo em tempo para ver como eles estão, mesmo que eles não tenham respondido às suas mensagens anteriores. Tente não exagerar a sua preocupação. Perguntar se eles estão bem já é o suficiente. Faça com que eles se sintam lembrados e queridos.

03 – Não tenha medo do silêncio
Uma das melhores coisas que você pode fazer por alguém ansioso, estressado ou deprimido é escutá-lo. Lembre-se de que você não é um terapeuta e não pode tratar a depressão de alguém. Prepare-se para um acolhimento mais do que uma orientação. Se o seu amigo não conseguir articular tudo o que está sentindo, não tenha medo de ficar em silêncio por um tempo. Basta estar por perto enquanto eles descobrem como expressar um pouco do caos que está acontecendo em suas mentes.

04 – Monte uma playlist
A playlist não precisa ser uma sequência de músicas super animadas! Elas podem ser calmas, reflexivas, elaboradas. O melhor é selecionar músicas que te lembrem do seu amigo ou pessoa amada e esteja associada a lembranças de fatos que vocês viveram. Com dois ou três toques rápidos no Spotify, você pode desanuviar o estado de espírito da pessoa. 05 – Incentive a pessoa a buscar ajuda profissional
Saúde mental e emocional é coisa séria. Apesar de todas as suas melhores intenções, não há nada que você possa fazer para afastar de vez a ansiedade ou depressão de um amigo ou familiar. Às vezes, a única saída é fazê-los perceber que precisam de ajuda profissional. Comece, se possível, com uma visita ao seu médico – faça com que eles digam ao médico o que está acontecendo e eles poderão encaminhar seu amigo para um plano de tratamento e suporte que atenda às necessidades de cada caso

Captativa – 18 Anos! Inspiração e Resiliência com Kareemi

Casa cheia hoje pela manhã para comemorar os 18 anos da Captativa. Colaboradores alocados em todos os nossos clientes se reuniram no Golden Tulip Hotel em São Paulo para confraternizar, colocar o assunto em dia e ainda assistir a uma palestra especial com a especialista em Desenvolvimento Humano, Kareemi. Daniella Fernandes, gerente de recursos humanos, Thaís Vale de Sá, gerente financeiro administrativo e Raquel Chueiri, diretora e fundadora da Captativa recepcionaram os colaboradores com a reafirmação do compromisso de transparência e cooperação para o crescimento.

Kareemi abordou questões essenciais para o desenvolvimento humano como a nossa responsabilidade pelas escolhas que fazemos, o compromisso com a liberdade e o otimismo e autoconfiança que podem nos guiar no caminho das realizações. Contando suas histórias pessoais de superação, resiliência e determinação sempre com muita leveza, a palestrante fez provocações interessantes para a plateia. Tudo a ver com o lema da Captativa, uma empresa que valoriza o potencial humano como o principal recurso corporativo. Afinal, o Recurso é humano!

Captativa – 18 Anos!

São 18 anos de uma história construída pelos sonhos, talentos, vontades, personalidades e sentimentos de muitas pessoas. E, acima de tudo, pelo compromisso com os nossos valores: transparência, confiança, parceria. Ao longo deste tempo, foram mais de 1300 vagas trabalhadas para a Indústria Farmacêutica: aproximando pessoas e projetos em busca de desenvolvimento e bem comum. Como nos recorda o nosso manifesto:

PORQUE O RECURSO É HUMANO
É um produto inesgotável –porque é um recurso humano.
É um produto insubstituível –porque é um recurso humano.
É um produto que fala, pensa e anda –porque é um recurso humano.
É um produto que sente alegria, dor e prazer –porque é um recurso humano.
É um produto que cria os outros produtos –porque é um recurso humano.
É um produto movido a inteligência –porque é um recurso humano.
É um feixe de artérias, veias e nervos –porque é um recurso humano.
É um produto especial. É o recurso dos recursos.
Para lidar com ele só uma empresa inesgotável; insubstituível; que sente alegria, dor e prazer; que cria todos os recursos; movida a inteligência; um feixe de artérias, veias e nervos.
Uma empresa inspirada pelas pessoas.
Pessoas, que por sua vez são inspiradas pelos seus cuidados.
Uma empresa que sabe que o mundo progrediu, mas que no final quem decide é o recurso humano.
Uma empresa especial.
Uma empresa que ama as pessoas.
Captativa. Porque o recurso é humano.