BLOG

    artigo

    05 Dicas de Acessibilidade no Ambiente de Trabalho

    Publicado em 28/03/2019

    A maioria dos empregadores não está ciente do fato de que pessoas com deficiência são independentes em suas atividades diárias. Por exemplo, pessoas com deficiências usam tecnologias assistivas para navegar na web por conta própria.

    As organizações também podem não estar familiarizadas com a forma como uma pessoa com deficiência realiza atividades do dia a dia, como ir e voltar do escritório. É responsabilidade da organização ou do departamento de RH não presumir que as pessoas com deficiências não podem concluir as tarefas diárias porque elas não podem ter empatia ou não estão familiarizadas com as tecnologias e maneiras pelas quais as pessoas com deficiências levam vidas independentes.

    Dito isto, alguns empregadores podem não estar cientes de como criar um local de trabalho acessível. Por exemplo, eles podem não saber que é sua responsabilidade fornecer software de leitor de tela para alguém com deficiência visual. Abaixo estão algumas medidas  importantes para criar um local de trabalho acessível:

    Conversas por email: todos os emails enviados internamente estão acessíveis. Isso pode ser feito de várias maneiras simples. Por exemplo, todas as imagens no email têm alternativas de texto (texto descritivo das imagens que é lido pelo software de acessibilidade para deficientes visuais).

    Preparação para a Reunião: distribua apresentações acessíveis com antecedência para permitir que pessoas com deficiências acessem o conteúdo antes da apresentação real. O organizador deve garantir que a apresentação seja acessível e depois distribuir a apresentação com antecedência. Isso é especialmente útil se a apresentação incluir gráficos complexos, projeções, etc. Isso permite que o significado pretendido do slide seja compreendido por todos durante a apresentação.

    Ferramentas de reunião on-line: os softwares de reunião, como GoToMeeting, Webex ou Zoom podem ser fundamentais para que pessoas com pouca mobilidade participem de reuniões com clientes em outros escritórios, por exemplo. Além disso, a melhor prática para grandes apresentações de equipe pode ser colocar legendas nas apresentações para que pessoas com deficiência auditiva também possam acompanhar.

    Áreas Comuns: É normal pensar que um local de trabalho é acessível se houver uma mesa regulável em altura para uma pessoa com deficiência física, esquecendo que a mesa baixa fica em uma extremidade da sala enquanto a comunidade do local de trabalho está predominantemente na outra extremidade da sala. Locais como cozinhas, banheiros, áreas de descanso e até mesmo áreas para fumantes podem se apresentar como barreiras para funcionários com deficiência física, se o planejamento apropriado não tiver sido implementado.

    Facilite: Instale tomadas acessíveis e braços de monitor flexíveis em todas as estações de trabalho. Esses itens não precisam ser isolados para funcionários com deficiência e podem fazer a diferença para o colaborador se sentir apoiado, bem-vindo e valorizado em sua organização.