Isolamento social e trabalho: Entrevista com Thais Vale, Gerente Financeira da Captativa

Aqui na Captativa, a gente acredita que empatia e conexão são capazes de nos ajudar a atravessar esse momento bastante sério que todos vivemos. Com bom humor, autoconfiança e muita parceria, a nossa equipe está ainda mais unida. Nesse breve bate-papo, Thais Vale, nossa Gerente Financeira, conta como tem sido o cotidiano de trabalho durante a quarentena, seus desafios e desejos!

– O que tem afetado mais o seu cotidiano de trabalho na área financeira? É possível usar todas as ferramentas de modo remoto?

Como o home office já era praticado na Captativa, as minhas atividades não foram impactadas. O trabalho tem fluído normalmente, com mais demandas inclusive. Estamos trabalhando muito para que os nossos colaboradores, clientes e fornecedores não sintam nenhum impacto e possam contar conosco nesse momento tão específico para todos nós.

– Imagino que boa parte dos clientes também tenha adotado medidas de isolamento. Isso facilita na hora de contatos e comunicações?

Sim todos os nossos clientes adotaram medidas de isolamento e isso facilita bastante, estamos muito alinhados no trabalho e fortalecendo o vínculo de parceria.

– Em termos de se organizar entre família e trabalho, quais os maiores desafios deste momento?

O maior desafio é reorganizar a rotina, dividir o tempo para trabalho, homeschooling e diversão.

– O que mais sente falta do dia a dia de trabalho? Momentos de conversa e diversão com a equipe, etc?

Sinto muita falta das pessoas, dividir os dilemas, alegrias, sinto falta dos almoços, cafés e até do barulho da Paulista.

– Quais os pontos positivos (tentando ser otimista) do isolamento?

O maior ponto positivo é estar com a família, fazer todas as refeições juntos, apreciar o pôr do sol, coisas que antes só eram possíveis aos finais de semana.